sábado, 10 de octubre de 2015

A EROSÃO ELEITORAL É UM SINTOMA DO APODRECIMENTO DO REGIME MAS NÃO UMA CAUSA PRIMÁRIA DA DESTRUIÇÃO DO TORRÃO NATAL DESSE SOLO PÁTRIO QUE TODOS DEFENDEM MAS QUE NINGUÉM QUER IR TRABALHAR EM CIMA DELE OU MESMO DEBAIXO ...AS CAUSAS PRIMÁRIAS DESTA EROSÃO DO TORRÃO PÁTRIO SÃO A DESTRUIÇÃO DA ESTRUTURA DO ELEITORADO DEVIDO AOS INCÊNDIOS DEMAGÓGICOS QUE O ASSOLAM EM CADA VERÃO - A MAIORIA QUER DISSOLVER O POVO OU A MINORIA QUER IR-LHE AO CU SÓ ARES O SABE - EM VERDADE VOS DIGO AS LEITOAS TÊM COBERTURA PILOSA E DE GORDURA SUB-CUTÂNEA MUITO ESCASSA E DELGADINHA E TENDO CHEGADO O OUTONO. OS SEUS MECANISMOS DE REGULAÇÃO TÊM ESCASSA FUNCIONALIDADE OU FUNCIONAL ANALIDADE UMA DESSAS ANAIS O QUE RESULTA PARA AS LEITOAZINHAS UMA VERA (JARDIM) DEBILIDADE CONSTITUTICIONAL É ANTI-CONSTITUCIONAL TER LEITÕES ABAIXO DOS 27ºC ....ASSIM NUNCA MAIS ARREGANHAM A TACHA QUE É O MOMENTO ALTO DO PROGRAMA DO GOVERNO SOMBRIO SEM AQUECIMENTO CENTRAL E COM O ESQUENTAMENTO GLOBAL A ENTRAR EM MODO DE PAUSA OUTONAL

HÁ QUEM DIGA QUE A POPULAÇÃO 

EXTREMAMENTE VEGETAL 

OU ANIMAL EM ESTADO VEGETATIVO 

QUE HABITA O TAL TORRÃO 

CONTRIBUI PARA A TAL EROSÃO

DITA ELEITORAL

IMPORTÂNCIA VITAL DA COBERTURA

VEGETAL E DOS VEGETAIS QUE 

HABITAM O TORRÃO PÁTRIO

NA DEFESA CONTRA DILÚVIOS 

TEM DE HAVER FUNDAS RAÍZES 

DEMOCRÁTICAS 

QUE PROTEJAM O SOLO PÁTRIO 

E AGREGUEM O ELEITORADO

EM SÓLIDOS E IRREVIGÁVEIS TORRÕES 

domingo, 23 de agosto de 2015

É TODO UM CONJUNTO DE POVOS BÁRBAROS EM MARCHA E AS LEGIÕES AINDA ESTÃO DE FÉRIAS ...NOVOS ELEITORES UM POUCO SUJOS E A PRECISAR DE UMA ESCOVADELA APROXIMAM-SE EM BARCOS DE BORRACHA DA DEMOCRACIA GREGA NÃO SE DEVEM ALIMENTAR OS DITOS CUJOS NÃO VÃO ELES ATRAIR OUTROS ...DAR-LHES UMAS CHUMBADAS TAMBÉM PARECE MAL ESPERAMOS POR MARES MAIS AGITADOS OU OS PERSAS CONQUISTAM ATENAS OUTRA VEZ ...JÁ É MANIA ...LOST ....KILLING ALIEN'S SOFTLY NEW EPISODE IN RAPSODY ....MARKL'S GO TO FESTUNG EUROPA ... MARKL'S AND THE WANDERING DEAD PEOPLE FROM THE BORDERS OF THE LOST EMPIRE ... Strumming my pain with his fingers Singing my life with his words Killing me softly with his song Killing me softly with his song Telling my whole life with his words Killing me softly with his song I heard he sang a good song I heard he had a style And so I came to see him To listen for a while And there was this young boy A stranger to my eyes Strumming my pain with his fingers Singing my life with his words Killing me softly with his song Killing me softly with his song Telling my whole life with his words Killing me softly with his song I felt all flushed with fever Embarrassed by the crowd I felt he found my letters And read each one out loud I prayed that he would finish But he just kept right on Strumming my pain with his fingers Singing my life with his words Killing me softly with his song Killing me softly with his song Telling my whole life with his words Killing me softly with his song Strumming my pain with his fingers Singing my life with his words Killing me softly with his song Killing me softly with his song Telling my whole life with his words Killing me softly with his song Strumming my pain with his fingers Singing my life with his words Killing me softly with his song Killing me softly with his song Telling my whole life with his words

UMA MARÉ DE GENTE DE CLASSE MÉDIA

COM POSSES PARA PAGAR BARCOS 

DE BORRACHA 

PROCURA AS RUAS FORRADAS DE OURO

DO IMPÉRIO EUROPEU

ALGUNS SÓ QUEREM UMA CASINHA 


E UNS TROCOS 

OUTROS ANSEIAM POR UM ORDENADO 

À RONALDO

OUTROS QUEREM É FICAR VIVOS 


TODOS TÊM MUITO EM COMUM

COM OS EUROPEUS DA FESTUNG EUROPA

TÊM SÓ MENOS EM COMUM 

E MUITO MAIS NO INCOMUM  

E LENTA LENTAMENTE O ELEITORADO

COMEÇA A AFOGAR-SE 

domingo, 2 de marzo de 2014

O NOVO PODER DA UCRÂNIA OU A FALTA DELE QUER ELEIÇÕES À ESPARTANA

PROVAVELMENTE PUTIN TAMBÉM PREFERIA ELEIÇÕES DESSAS....

IMPACTO DA CRISE UCRANIANA NO ELEITORADO EXPORTADOR PORTUGUÊS?

OS UCRANIANOS CHEGARÃO EM CHARTERS COMO SANTO FUTRE PROMETEU?

SE A ECONOMIA DE SOCRATES O GREGO PEGAVA DE EMPURRÃO

A ESTA ECONOMIA FALTA-LHE GÁS? OU TEMOS ATÉ GÁS A MAIS?

E SE A NOTAS DA ESPECULAÇÃO UCRANIANA ATÉ SUBIRAM COM A BANCARROTA

AS NOSSAS NOTAS DE ESCUDO VALERÃO QUANTOS EUROS?

ESTES MERCADOS SÃO DOIDOS?

OU SÃO GREGOS?

QUEREM SER OS NOVOS ESPARTANOS?

E QUEREM ISSO COM UMA INFLAÇÃO DE QUANTOS DÍGITOS ?

DA UCRÂNIA UNIDA À ESPARTA QUE SE PARTA

EM DOZE SEQUÊNCIAS RÁPIDAS ATÉ AOS IDOS DE MARÇO

sábado, 1 de septiembre de 2012

O ELEITORADO LÁ VAI MORRENDO À MÍNGUA DE ÁGUA E AFOGADO EM DISCURSOS QUE QUEREM UMA DEMOCRACIA MAIS AO SEU ESTILO PARTICULAR MAS INFELIZMENTE PARA OS NOSSOS CLAN GURUS TEM COLADO POUCO

A união bancária muito mais que mutualização da dívida por bondes e bondinhos são uma solução mais apelativa aos povos desconfiados do vizinho
é que a eurropa está na fase querias fiado? toma.I.
se fossemos uma sociedade mais evoluida como os incas ou os maias, faziamos uns sacrifícios humanos rituais e voltava-se a ter confiança na persistência da volátil moeda
agora comprar eurobondes para 2022 de uma moeda que pode não passar de 2020 se as coisas correrem moderadamente bem, de resto uma crise global, financeira, demográfica e alimentar ainda por cima
com inflação desconhecida e perda de poder de compra pelo hemisfério dito ocidental, não pressagiam um bom futuro para bondes
e para padrões de ouro falso feitos de libras e coroas
Como disse assis há pessoal aí anónimo dedicado a assassinar o carácter de coisas bem caracterizadas
Boss se mecê quer assassinar o carácter do tal Euro faca-o anonimamente como os restantes
Que pra falta de con fiança e de con fiados já isto anda cheio….
  • Felizmente os gandulos que estavam a violar a lei televisiva fundamental do país não foram pagos em coroas do danoninho
    Cá por mim era melhor trocarmos as taes libras virtuaes por libras de farinha que devem dar um jeitão para fazer pão virtual no facebook.
    já agora boss, mecê pôs este artigo no fazebook?
    devia ter muito mais aderentes
    Que tal inventarmos uma moeda virtual chamada constituição?
    Constitucionalmente daria dinheiro a todos com confiança suficiente para a utilizarem como fazem com a bandeira, mas um bocadinho mais no fundo do rego, como o raul….
    Se não se importasse boss, dê-nos uns 3 milhões de constituições aqui pó burgo, que o pessoal aqui já nem vai ao cobre
    com medo de ficar na estrada…
  • E todo o mundo é muita gente, ninguém não entra no filme? 
    Os agricultores chilenos, norte-americanos, ibericos,dizimados pela seca e os filipinos com o arroz afogado em metro e meio de água e arrastado por torrentes de lama, devem estar mesmo a preocupar-se com a europa.
    É de um etnocentrismo atroz, como aquele caboz atroz professoral da FENPROF, quem se arma em defensor das maiorias silenciosas e depois colhe os louros.
    Salvou-nos da ruína, salvou-nos do Cunhal e da sua união, pois nestas coisas de todo o mundo, não há ninguém que prefira finais alternativos?
    Para aqueles que ganham 200 euros e menos, principalmente as dezenas de milhares que pouco têm, o euro não lhes diz nada e muitos deles teriam preferido ser escravizados nas bichas das batatas e das baratas do rublo soviético, a viver dos caixotes de lixo do euro.
    Bolas já é a segunda vez em trinta anos e a terceira em 38, que há moles de gentes que preferiam o Salazarento ou o marcelismo dos marcelinhos de alumínio ao cobre e cupro-níquel de euros feito.
    O Camarada sabe que até as moedas de 20 mél réis em prata salazarenta voltam a ser cobiçadas por avantesmas de todas as áreas políticas já na 3ª e 4ªidades?
    E mesmo maralha quarentona e cinquentona arenga nas ruas, por falta de electricidade para a interneta, presumo.
    E o que eles e elas dizem, é que preferem que a burguesia desça ao seu nível de miséria, para saberem como é, do que eles e elas se levantem ao nível da burguesia.
    Logo ninguém se importa da catástrofe do fim do euro e todo o mundo confia que o euro é o problema e o seu fim a solução.
    Ele há fezes mai maiores grandes
    Que as fezes nos dinares em ouro y plata (e platiña )
    Cuidado é com o tungsténio misturado no gold…
    Pois todo o mundo queria outro 25 de Abril económico
    E ninguém queria esta democracia em euros feita
    Não era bem aquela república que ele tinha lutado para implantar
    Ele queria uma república mais assim à zé do telhado
    Com bacalhau a tostão o quilo e sardinha ao milheiro a meio tostão
    Fora ele arriscar o couro por uma república destas…
  • E a NAU CATRINETA submarina da nação do amassão

    amassada lá continua a navegar

    com manjar ou sem manjar

    devagar

    domingo, 25 de septiembre de 2011

    MORREM SALVADORES DAS PÁTRIAS ATLÂNTIDAS TODOS OS DIAS- OBVIAMENTE DEVIAM SER DEITADOS AO MAR FICAVA MAIS BARATO E DAVAM COMIDA AOS RESTANTES TUBARÕES

    A VIDA É ISTO SÓ VIA DE ÚNICO SENTIDO

    FUNDO FOI-NOS EM VIDA O VERME CAVADOR

    HOJE JAZ MORTO O VERME CARCOMIDO

    E NELE REPOUSA A SOMBRA SEJA DO QUE FOR

    PODIAM CHAMAR-LHES POETAS DO AMOR

    SE O PARASITISMO NÃO CAUSA DOR

    E SE TODA A VIDA IN(FELIZ) S'EVAPORA

    CHORAI PELOS VIVOS QUE MORTO NÃO CHORA

    Ó AMORA CHEIA DE GOYS

    Ó BOIEIRO CHEIO DE BOYS

    QUE EM JARDIM SEM FIM

    S'ESPOJA ENFIM

    ALL BERTO'S JARDIM

    POR FIM

    AOS PAIS E MÃES DA NAÇÃO

    QUE VENDERAM A FILHA

    miércoles, 18 de mayo de 2011

    O GOVERNO EM GESTÃO GOVERNA-SE OU GOVERNA-NOS?

    ESTA GRAVE PENDÊNCIA FOI RESOLVIDA COM PRODÍGIOS DE SUBTILEZA

    OS FILHOS E OS NETOS DOS NOSSOS AMOS E SENHORES NÃO PODEM SER DESERDADOS

    ASSIM OBTIVERAM DA CIÊNCIA PROTOCOLAR ESTA AVULTADA DISTINÇÃO

    ENQUANTO FOREM VIVOS PODERÃO ALIMENTAR-SE DE SUAS FARTAS COMENDAS

    DEPOIS DE MORTOS ENTERRAMO-NOS NÓS NELAS

    NUNCA UMA GERAÇÃO À RASCA MERECEU TAIS PREVILÉGIOS

    HOSSANAS A VÓS NOSSOS AMOS E SENHORES